QUER CONHECER O VALE DO SILÍCIO COM OS MELHORES DO SEGMENTO DE SEGURANÇA ELETRÔNICA?

 

C-Level Vale do Sílicio,

De 12 de novembro a 20 de novembro de 2021.

20 vagas para 20 executivos de alta gestão do mundo da Segurança reunidos para ter uma visão do futuro.

Uma experiência que prepara executivos para desafios futuros.

Para quem é esta missão?

C-Level são os líderes de negócio que participam da estratégia da empresa, tomam decisões de alto risco e garantem que a operação do dia a dia está alinhada com os objetivos estratégicos da empresa.

Quais são os tipos de executivos C-Level mais comuns?

Não existe uma regra, mas vamos lá. Os Cs mais comuns são:

CEO – Chief Executive Officer

Ele é o capitão do barco: determina a direção e a velocidade com que a companhia segue rumo aos objetivos. Costuma ser o próprio empreendedor que fundou o negócio, criou as bases da cultura, do produto ou serviço e do que a empresa é hoje. Ele é o executivo que está acima de todos os executivos da empresa: o ‘chief’ dos ‘chiefs’.

COO – Chief Operating Officer

Esse é o executivo responsável pela operação e costuma ser o braço direito do CEO. Enquanto o empreendedor pensa a estratégia, olhando mais para cima, os olhos do COO estão inteiros na operação, cuidando da rotina do negócio.

CFO – Chief Financial Officer

Esse é o principal executivo de finanças. O homem de confiança dos investidores. O cara que garante os recursos para chegarmos ao futuro. Alguns CFOs têm foco exclusivo na gestão de recursos, outros tem um olhar mais moderno e sistêmico, bem mais interessante.

CMO – Chief Marketing Officer

Marketing sempre requer visão estratégica. Nos últimos anos, com a explosão das plataformas digitais e a necessidade de garantir a experiência do consumidor de forma consistente por uma miríade de canais, físicos e digitais, isto ficou ainda mais complexo. Se o COO é o braço direito, este aqui é o braço esquerdo do CEO.

CHRO – Chief Human Resources Officer

Principal executivo de recursos humanos. Não é uma figura tão comum em empresas de médio porte. Normalmente, uma empresa precisa de um C-Level de recursos humanos quando Pessoas é um recurso tão importante no diferencial competitivo da companhia, na produtividade, no custo da operação e na satisfação dos clientes que precisa ter alguém pensando estrategicamente nisso. Ou quando a operação é tão grande que gestão de pessoas é praticamente uma empresa por si só. Nesse caso, seria impensável não ter um executivo olhando esse ativo estrategicamente.

CIO, CTO – Chief Information Officer e/ou Chief Technology Officer

O executivo que garante que teremos a tecnologia para sustentar nossas operações e nossa ofertas, hoje, amanhã e depois de amanhã. Tem uma importância vital também, principalmente em negócios digitais, no fluxo de inovação.

Como tudo em gestão, exageros acontecem. Houve uma imensa popularização destes termos e surgiram variações de cargos C-Levels como Chief Risk Officers, Chief Privacy Officers, Chief Sustainability Officer, Chief People Officer e Chief Digital Officer. A criatividade é livre, mas provavelmente tem muita farofa nesta história.

Normalmente, o primeiro executivo que se junta ao time é o CFO, responsável por garantir os recursos para o crescimento. Tipicamente ele entra junto com o primeiro investimento profissional. Depois, tipicamente, vem o COO para olhar a operação e cuidar das pessoas. Em empresas de tecnologia, o CTO chega cedo também, ou já nasce dentro.

Não há uma regra. O importante é que as funções críticas do negócio tenham alguém capaz de olhar para elas de forma estratégica. Por que é para isto que um executivo neste nível serve. Se for só para executar, um gerente resolve.

 Quais são as funções do executivo C-Level?

Essencialmente, a função básica de um C-Level é pensar a estratégia. Ele é responsável por pensar em como a área que ele lidera contribui com a estratégia, nas restrições e extensões que sua função hoje impõe sobre a estratégia e nas formas potenciais como sua função pode aumentar a competitividade da empresa como um todo, junto com as outras funções.

Não é complicado. É difícil, mas é simples. Vamos pegar o exemplo de um CFO.

 Quando o empreendedor tem um CFO de verdade ao seu lado, isto significa que essa pessoa tem a envergadura e a potência intelectual para operar a função financeira no nível estratégico.

Esse profissional entende qual é o ‘movimento’ de finanças que a empresa tem que fazer para conseguir atingir os objetivos de crescimento que tem. Vamos ao banco ou ao mercado em busca de investimento? Pegamos mais dinheiro dos sócios ou abrimos uma nova linha de crédito no banco?

Nos preparamos para receber Venture Capital ou nos preparamos para uma fusão? Até quando conseguimos crescer com nossos recursos? Qual é a opção mais barata? E a mais segura? E a que preserva melhor nossa autonomia? Qual tem menos chance de nos arrependermos na próxima curva?

O empreendedor quer sentar ao lado desse CFO e perguntar:

– Hoje, estamos prontos para comprar uma empresa? Nossa empresa está pronta para incorporar uma nova operação? A gente consegue avaliar o impacto dos investimentos na estratégia a longo prazo? Temos caixa para investir no desenvolvimento de um novo produto?

E esse executivo pode virar e falar:

– Para fazer o movimento estratégico, nós vamos precisar dos seguintes recursos…

Esse CFO sabe que competências existem dentro de casa e quais são ‘compráveis’ por meio de um fundo de investimentos ou uma consultoria, por exemplo. O mapa das competências da empresa está na cabeça dele, assim como os recursos de que precisa para executar estrategicamente o que é proposto pelo CEO. E o inverso também: se ele conhece bem os recursos da empresa, o quão grande o CEO pode sonhar?

Esta conversa pode ser a dois, a três, não importa. Esta é a função do C-Level: fazer as conversas difíceis sobre a estratégia e garantir a capacidade de executá-las.

 Vamos juntos fazer parte dessa experiência C-Level.

Preencha o formulário para receber mais informações.

PREENCHA SUA REQUISIÇÃO DE VAGA ATENTAMENTE

Site responsivo em desenvolvimento. Favor acessar de um computador ou tablet.

Sua inscrição foi recebida

Recebido

Sua inscrição foi recebida

Abrir chat
Bem Vindo Guerreiro! Eu posso te ajudar!